Global Pets oferece uma série de pacotes no transporte de animais internacional via aéreo, esperando ir ao encontro das necessidades dos nossos clientes:

 

  • Gold: Assistência documentação, Boarding / Check In, Frete até Aeroporto Destino.

  • Platinum: Pet Taxi / Recolha, Assistência documentação, Boarding / Check In, Frete até Aeroporto Destino.

  • Diamond: Pet Taxi / Recolha, Assistência documentação, Boarding / Check In, Frete até Aeroporto Destino, Entrega na Residência. 

planear
Idealmente o seu animal de estimação deve ser transportado no mesmo avião em que viaja. Se nos consultar com antecedência é viável conseguirmos as autorizações, documentação e reservas para que possam viajar juntos. Como cada companhia de aviação tem regras próprias, deve iniciar o processo idealmente 3 meses antes e, no mínimo, com 2 semanas de antecedência.
 
  • Três meses antes da viagem, começar a verificar preparar a documentação necessária para a partida. 
  • Um mês antes da viagem, confirmar com o "AVI Coordinator" se a documentação que esta a ser tratada esta OK. 
  • Três semanas antes da viagem, colocar o seu amigo dentro da caixa de transporte para que possa ir acostumando. 
  • Duas semanas antes da viagem, verificar com o "AVI Coordinator" a documentação e fazer reservar a viagem. 
  • Uma semana antes da viagem, ir diminuindo a quantidade de alimentos e verificar com o seu veterinário que o animal está em condições de saúde para viajar. 
  • Um dia antes da viagem, recomendamos que o deixe com uma peça de roupa velha com odor do dono, ou um cobertor ao qual esteja acostumado, para que se sinta mais confortável
  • 6 Horas antes da viagem, dar-lhe uma comida ligeira e administrar água suficiente. Retirar qualquer tipo de coleira, correias ou roupa para evitar incidentes. Levá-lo a caminhar antes de ir para o aeroporto e antes de fazer o check-in.
 
É importante ter em consideração a idade do animal assim como que alguns dos exames poderão demorar até 3 meses. Adicionalmente, tome em consideração a época do ano em que viaja, (as estações mais quentes não são recomendáveis)
 
DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA
Cada país tem regras próprias, sendo a documentação base necessária a seguinte
  • ​Microchip
  • Vacinas
  • Desparasitação interna e externa.
  • Exames de sangue específicos realizados por um laboratório acreditado (RNATT)
  • Registos médicos
  • Autorização de Exportação e Importação, que geralmente têm um prazo de validade
 
Para mais informação referente a documentação necessária, recomendamos contactar o seu coordenador na Global Pets ou a Direção Geral Veterinaria (DGAV).
caixa de transporte

 

A caixa de transporte do seu animal de estimação tem que cumprir normas específicas, de acordo com a legislação imposta pela IATA (Associação Internacional de Transporte Aéreo), pelo que não a deve adquirir sem nos consultar primeiro.

É fundamental indicar-nos as medidas do seu animal (cão, gato ou outro), para que a tipologia da gaiola escolhida lhe garanta comodidade, segurança, ventilação adequada, espaço para se mover, esticar e dar a volta durante o transporte.

Exemplo de caixa de transporte: 

como medir o animal de estimação?

  • Comprimento: Desde a ponta do nariz até à ponta da cauda

  • Altura: Desde o chão até à parte mais alta da cabeça, no caso de o animal ter as orelhas em pé, considere a ponta das orelhas

  • Largura: Medir a parte mais larga do animal

CONDIÇÕES DE TRANSPORTE PARA ANIMAIS PERIGOSOS

São várias as raças de cães que podem ser particularmente perigosas, dada a sua agressividade e probabilidade de ataque. Muitas delas foram banidas de vários países ou sujeitas a regulações específicas.

 

Para garantir a seguranças dos cães e do Staff envolvido no seu manuseamento, os cães na lista abaixo, só podem ser aceites para transporte, como bagagem ou carga, em caixas apropriadas, que preencham os requisitos da Regulação para Animais Vivos da IATA (requerimento 82 - CR82)

  • Buldogue Americano

  • Pitbull Terrier Americano (Pitbull, Pitbull Terrier)

  • Staffordshire Terrier Americano

  • Bull Terrier

  • Caucasian Owtscharka (Cão Pastor Caucasiano)

  • Dogo Argentino

  • Dogue de Bordeaux (Mastim Bordeaux, Mastim Francês)

  • Fila Brasileiro

  • Karabash (Coban Köpegi, Cão Pastor da Anatólia)

  • Mastim Napolitano

  • Cão de Presa Mallorquin (Ca de Bou)

  • Cão de Presa Canario

  • Rottweiller

  • Staffordshire Bull Terrier

  • Tosa Inu (Japanese Tosa)

Estes requisitos são alargados a outras raças ou raças cruzadas com caraterísticas físicas semelhantes (cabeça grande, pescoço curto, forte musculatura, maxilares largos, e boca grande), que demonstram um comportamento agressivo ou perigoso.

 

Tranquilização / Sedação

 

Não é recomendável, uma vez que representa um risco considerável, porque reduz a capacidade de resposta dos animais ao stress durante o transporte. Muitas vezes o uso de tranquilizantes provoca uma baixa da tensão arterial, que pode ser fatal com a pressurização da altitude de voo.

A combinação da altitude com os tranquilizantes é potencialmente fatal em animais idosos, com doenças crónicas ou stressados. Se forem usados sedativos, o nome do medicamento, a hora e forma de administração devem ser claramente assinalados na caixa e uma cópia do registo deve ser anexada aos documentos do embarque. Uma prática recomendada para acalmar os animais é escurecer a caixa e colocá-la num local fresco e sossegado, quando o animal estiver fora do avião.

 

Retenção

 

De forma a evitar qualquer tipo de ferimentos no animal durante o voo, certifique-se que o animal não está a usar açaime, trela ou arnês.

Global Building, Estrada Principal 8, Campo Raso,

2710 -138 Sintra, Lisboa, PT

Tel: +351 21 923 6550

Email: info@globalpets.pt

Horario: 9h00 - 18h00

© Global Pets 2019, all rights reserved | Making the Difference ®

Logo Global Pets.png
  • White Facebook Icon
  • White LinkedIn Icon
  • Twitter Icono blanco
  • Instagram